9 dicas especiais para você ser mais criativo

Em linhas gerais, ser criativo é conseguir pensar fora da caixa. Considerada uma das habilidades mais valiosas, a criatividade tem sido alvo de diversos estudos, e apesar das controvérsias, uma coisa é consensual entre as pesquisas: desenvolvê-la requer muito repertório e treino. Pensando nisso, separamos 9 dicas para ativar o seu lado criativo e deixar as suas ideias rolarem soltas!

Conheça novas pessoas

Cada pessoa traz consigo uma história, com contextos, desejos e medos diferentes. Esse choque pode trazer, de maneira indireta, formas diferentes de olharmos para um mesmo problema, ou até inspirar certas condutas e ideias no trabalho.

Devore filmes, séries e livros

Valorize os momentos fora do trabalho. Quando lemos, nosso cérebro cria os cenários, as falas, as situações. Isso, por si só, já é o mais puro grau da criatividade. Da mesma maneira, assistir a filmes e séries ajudam a deixar a cabeça arejada e a ter novas ideias e absorver estéticas diferentes.  Nós absorvemos muitas informações só observando, acredite!

Tenha referências

Colecione referências e separe-as por assunto para facilitar no foco da criação. Ter um caderno e construir nele um repertório deve ser um hábito constante, pois a cada vez que você retorna a ele, cria novas possibilidades criativas.

Regule o seu sono

Até mesmos os carros de Fórmula 1 precisam parar no Pit Stop durante a corrida. Portanto, não force a barra. Uma mente criativa precisa descansar para operar bem. Por mais que o trabalho esteja acumulado, evite criar o hábito de passar noites em claro. Boas ideias, frequentemente, aparecem durante descansos, e isto acontece porque deixamos nosso inconsciente e subjetividade também trabalhar com os nossos pensamentos.

Anote suas ideias

Pensamos muitas coisas o tempo todo e é quase impossível memorizar todas as ideias que surgem. Por isso, tenha sempre um caderno e caneta para anotar seus pensamentos e reflexões. No futuro, essas ideias anotadas podem se conectar com outras e, dessa forma, criarem algo. Leonardo da Vinci, por exemplo, sempre utilizava um caderno de anotações para registrar o que via e pensava.

Encontre seu ambiente

Isso envolve muito autoconhecimento, pois fatores como organização, música e decoração do espaço podem influenciar muito na hora da criação. Uma dica importante é esvaziar sua cabeça de tudo que for te atrapalhar durante o processo. Faça todas as coisas que tiver que fazer antes, e não deixe que as preocupações menores tomem conta do seu momento criativo.

Torne as informações mais visuais

Nós trabalhamos melhor com o que está visualmente disponível, e aprender a usar palavras-chave pode ajudar muito a conectar ideias. Leve seu caderno na mochila, e ao criar algum projeto, faça um mapa mental apontando tudo o que não pode faltar nele. Em outra parte defina o que não se quer também e onde se quer chegar. A diferença na facilidade para criar e organizar ideias é nítida!

Não force a barra

Muitas vezes em determinado projeto, queremos muito ter aquele insight incrível e não conseguimos. Nesse caso, sem dúvidas a melhor coisa a se fazer é descansar, pois o nosso cérebro tem dificuldade de pensar sob pressão. O descanso e a desconexão com o tema, muitas vezes possibilitam que ideias melhores apareçam, simplesmente por permitir ocupar os pensamentos com outros temas.

Divirta-se

Para pensarmos fora da caixa, precisamos imaginar possibilidades não lineares ou previsíveis, exatamente como funciona com uma piada bem contada. É por isso que o humor é tão importante quanto a inteligência lógico matemática. Ouça e conte piadas, assista filmes de humor e se divirta jogando jogos de enigmas, isto também incentiva a nossa criatividade.

Muitas pessoas acham que a criatividade é um dom que nasce com a gente, enquanto na verdade não é. Se você quer ser uma pessoa mais criativa, você só precisa de treino, paciência, e um parceiro de trabalho que te ajude – como um caderno.

Falando nisso, estamos com um dois kits em promoção, vem ver!

Até a próxima,

Mar Cadernos.

Deixe um comentário

Observe que os comentários precisam ser aprovados antes de serem publicados